Temer classifica crime como ‘bárbaro’ e convoca reunião para próxima semana

BRASÍLIA – O presidente interino Michel Temer disse nesta sexta-feira que foi convocada um reunião para a próxima semana, com os secretários de segurança pública de todo país, para tomar ‘medidas efetivas para combater a violência contra a mulher”. Em nota, Temer repudiou o estupro com a adolescente de 16 anos, em uma favela na Zona Oeste do Rio.

“ Repudio com a mais absoluta veemência o estupro da adolescente no Rio de Janeiro. É um absurdo que em pleno século 21 tenhamos que conviver com crimes bárbaros como esse”, disse o presidente em exercício.

O governo pretende criar um departamento na Polícia Federal para reunir informações e coordenar ações no combate a violência contra a mulher.

“Nosso governo está mobilizado, juntamente com a Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro, para apurar as responsabilidades e punir com rigor os autores do estupro e da divulgação do ato criminoso nas redes sociais.”, diz a nota.

O texto também foi publicado no Twitter de Michel Temer.

Leia o texto na íntegra.

“Repudio com a mais absoluta veemência o estupro da adolescente no Rio de Janeiro. É um absurdo que em pleno século 21 tenhamos que conviver com crimes bárbaros como esse.

O ministro da Justiça convocou reunião com os secretários de segurança pública de todo país, nesta terça-feira, quando tomaremos medidas efetivas para combater a violência contra a mulher.

Vamos criar um departamento na Polícia Federal tal como fiz com a delegacia da mulher na Secretaria de Segurança Pública do governo Montoro, em São Paulo. Ela vai agrupar informações estaduais e coordenar ações em todo país.

Nosso governo está mobilizado, juntamente com a Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro, para apurar as responsabilidades e punir com rigor os autores do estupro e da divulgação do ato criminoso nas redes sociais.”

ver mais notícias