Homem acusado de assassinado em São Conrado é preso na Paraíba

RIO – Policiais da Delegacia de Homicídios da Capital, com apoio de agentes da Polícia Civil da Paraíba, prenderam na terça-feira Risonaldo Gomes Soares, acusado do assassinato de Jorgeano Augusto da Silva, ocorrido na tarde de 23 de dezembro do ano passado, na Autoestrada Lagoa-Barra, próximo ao Gávea Golf Clube, em São Conrado. A vítima foi morta com cinco tiros, que a atingiram do pescoço para cima.

Risonaldo, segundo a DH, estava escondido na cidade de Fagundes (PB) desde o crime. O motivo do assassinato seria o fato de ele não aceitar o namoro da vítima com sua ex-mulher. Jorgeano estava em uma caminhonete Strada quando foi abordado por Risonaldo, que pilotava uma motocicleta. Câmeras de segurança da região mostram que a placa da moto estava dobrada.

O delegado titular da DH-Capital, Fábio Cardoso, dará entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira sobre o caso. “Risonaldo deixou o Rio de Janeiro na noite logo após o crime. Durante as investigações, descobrimos que ele estava escondido na cidade de Fagundes, na Paraíba, e por isso, contatamos a Polícia Civil daquele estado e solicitamos a cooperação para a prisão do autor”, disse.

ver mais notícias