Caso de dengue na cidade do Rio somam 4.621

RIO – O número de casos de dengue no município do Rio de Janeiro continua crescendo. De acordo com os últimos números divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde, entre 1º de janeiro e 19 de março deste ano já foram contabilizados 4.621, um crescimento de 7,64% em relação a semana anterior. Em 2015, no mesmo período haviam sido notificados apenas 691 casos.

Desde o início do ano, a região que abrange os bairros Jacarepaguá, Anil, Gardênia Azul, Curicica, Freguesia e Taquara, na Zona Oeste, é a que contabiliza mais registros de dengue: 863. Em seguida vem a área que inclui os bairros de Ramos, Manguinhos, Bonsucesso e Olaria, na Zona Norte do Rio, com 813 notificações, segundo o último boletim da prefeitura.

No estado, de acordo com o último boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde, até o dia 15 de março já haviam sido registrado em todo o estado do Rio de Janeiro 23.975. Nesta terça-feira, a secretaria irá divulgar um novo boletim epidemiológico.

Na cidade Duque de Caxias, onde no final de semana uma menina morreu com suspeita de dengue, o número de casos da doença também cresce. De acordo com números da Secretaria Municipal de Saúde, os números de casos de dengue notificados até 17 de março no município (276) já ultrapassa os registrados em todo o ano de 2015 (274). E os cinco bairros com maior incidência pela ordem de casos notificados este ano foram o Centro, Olavo Bilac, Vila São Luiz, Gramacho e Parque Duque.

ver mais notícias