Após assassinato de aluno, UFRJ instala câmeras no campus

RIO — Três dias após o assassinato do estudante Diego Vieira Machado, de 29 anos, a prefeitura do campus UFRJ está instalando 17 câmeras no entorno do alojamento universitário, onde a vítima morava com outros 250 alunos. Uma câmera que capta imagens 360 graus foi instalada há cerca de uma semana no alto de um poste em frente ao acesso principal do alojamento, mas ela ainda não entrou em operação. Uma outra câmera, direcionada à entrada e ao ponto de ônibus foi instalada na manhã desta terça-feira e será ativada ainda hoje.

As imagens serão analisadas pela Central de Monitoramento do campus. Ao todo, segundo uma funcionária da prefeitura do campus, são 17 câmeras. Haverá equipamentos ao longo do Largo Wanda Oliveira e na Rua Vinte e oito, na lateral do alojamento, entre outros pontos.

Policiais da Delegacia de Homicídios da capital estão fazendo vistorias no campus. Amiga de Diego, a estudante de comunicação social, Pérola Gonçalves, fez um trajeto com os agentes para tentar identificar os últimos passos da vítima.

ver mais notícias