Sabino Castelo Branco volta a atacar " anjo ou demônio" castiga em nome do PTB

O ex-deputado federal e pastor evangélico, Sabino Castelo Branco, presidente regional do PTB, afastou ontem (15) todos os membros da Comissão Executiva Municipal do partido no município de Humaitá, situado no Vale do Rio Madeira. O ato causou indignação entre os políticos afastados que vão questionar na Justiça a atitude considerada arbitrária do ex-parlamentar.

“Foi uma vingança do senhor Sabino, ele acha que o PTB é seu e está intervindo em todos os diretórios municipais, trocando as executivas de forma execrável para atender aos seus interesses econômicos e eleitoreiros, não deixando os filiados decidirem que rumo tomar”, disse por telefone ao Portal do Holanda o advogado Ubiratã Moreira, do PTB humaitaense. “Quando tentamos falar com ele, simplesmente respondeu: ‘O partido é meu e dou pra quem eu quiser’. Ele entregou o partido ao ex-deputado Roberto Rui, que é do PMDB”.

Segundo Ubiratã, o ato de Sabino se deu em represália ao apoio dado pelos irmãos deputados Belarmino (Pros) e Átila Lins (PSD) à pré-candidatura do ex-mandatário do partido, Sidney Temo, à prefeitura local. “Vamos à Justiça questionar o comportamento absurdo e sem qualquer ética do Sabino, pois o pior de tudo é que a gente não tem nem como sair agora do partido já que o prazo de filiação a outras legendas já passou”, expressou Ubiratã.

Matéria do Portal do Holanda http://www.portaldoholanda.com.br/manaus/ptb-de-humaita-vai-justica-contra-ato-de-vinganca-de-sabino

ver mais notícias