Prefeitura de Rio Preto da Eva incentiva patriotismo e cidadania nas escolas

A Prefeitura de Rio Preto da Eva, a 80 quilômetros de Manaus, está estimulando o patriotismo nas escolas públicas com atividades na sala de aula e também com o retorno dos momentos cívicos com o Hino nacional, o Hino do Amazonas e o Hino do Município, como incentivo à cidadania e o patriotismo. A temática também é debatida durante as aulas.

Desde o início do ano letivo, o prefeito Anderson Souza determinou o retorno do momento cívico nas escolas. “As escolas agora possuem CDs com os hinos oficiais e também encartes com as letras dos hinos. Antigamente essa prática era muito comum, mas foi se perdendo, e esperamos agora que ela jamais saia da rotina das escolas”, afirmou.

As escolas também ganharam novas bandeiras, que são utilizadas nos momentos cívicos. “Colocamos também mastros em todas as escolas e na entrada do município para que as bandeiras sejam colocadas. Claro que isso é um processo que vai fazer parte do dia a dia das escolas, não apenas no momento cívico”, disse.

Reformas

O prefeito destacou as reformas em toda a estrutura da rede municipal de Educação. Na semana passada, foram inauguradas três obras que beneficiam mais de 1.000 crianças no município. O investimento, estimado em R$ 1 milhão, foi com recursos do governo Federal e contrapartida da administração municipal.

A Escola Municipal São Francisco foi reformada e ampliada e agora tem capacidade para 288 alunos. O Centro de Educação Infantil Marcelino Vieira (CEMEI) também foi totalmente reformado e climatizado, dando mais conforto para crianças e professores. Já a Creche Maria José da Silva Batista atenderá 200 crianças com idade de 2 a 4 anos.

Ele destacou que outras escolas também estão no cronograma de inaugurações, como a Ivanilde Braga Brandão que foi totalmente reformada, ampliada e climatizada, Escola Princesa Izabel (Procópio) e Treze de Maio no Alto Rio. “Além das obras, também temos o orgulho de dizer que em pouco mais de 140 dias de administração, a prefeitura mantém todos os salários dos servidores em dia. Sabemos das dificuldades financeiras dos municípios em todo País”, disse Anderson Souza.

ver mais notícias