Na ala 5 do COMPAJ é inaugurada a primeira Igreja Universal dentro do Presídio no Amazonas

Um lugar que foi palco de violência e desespero agora recebe a chance de transformar vidas com a inauguração da primeira Igreja Universal no presídio em Manaus. 

O trabalho da Universal nos presídios de diversas partes do Brasil é sempre muito bem aceito entre os reclusos, contando hoje com 8,2 mil voluntários, que atendem 80% da população carcerária do País, estimada em 607,7 mil detentos, segundo o Centro Internacional de Estudos Penitenciários (ICPS).

O governo estadual autorizou a Igreja Universal do Reino de Deus a construir 22 templos em todas as unidades prisionais do Estado do Amazonas e foi neste sábado (25) que a primeira igreja dentro do presídio foi inaugurada. A Igreja ficará na ala 5 do Anísio Jobim e cerca de 130 pessoas dentre os detentos e agentes de segurança estiveram hoje na inauguração.

Estavam presentes no evento pastores e diretores das unidades, o subsecretário do sistema penitenciário do estado Major Klinger, o diretor titular do presídio Tenente Lasmar, o Vice diretor sargento Souza, entre outras autoridades militares. Além do apoio do Secretário de segurança do sistema prisional, contou também com o incentivo do deputado Estadual Carlos Alberto e do vereador João Luíz. 

O Governador José Melo foi fundamental para que tudo acontecesse dentro do prazo e dentro da legalidade, pois foi um dos maiores incentivadores do projeto Igreja no Presídio.
O governo afirmou que não foi gasto dinheiro público nas construções e garantiu que está sendo totalmente financiado pela Igreja Universal do Reino de Deus. 

O culto de inauguração foi realizado do Bispo Fernando Vassoler, que é responsável pelo projeto das igrejas no presídio na região. A igreja têm o objetivo de auxiliar no processo de ressocialização dos presos.

Lembrando que no dia 1 de janeiro de 2017, o COMPAJ teve o maior massacre de presos do país, com morte de mais de 100 detentos e vários foragidos, causando sofrimento aos familiares e pavor à população do Amazonas. 

Onde um dia foi o lugar de violência, ódio e terror agora passa a ser um lugar em que os presos terão uma nova chance através de uma fé que promete transformar vidas. 

Leia sobre o massacre:

O maior massacre prisional do Amazonas, guerra do PCC e FDN deixam mais de 150 mortos no COMPAJ (Imagens fortes)

 http://portalcm7.com/noticias/subindo-e-descendo-do-salto/o-maior-massacre-prisional-do-amazonas-guerra-do-pcc-e-fdn-deixam-mais-de-150-mortos-no-compaj-imagens-fortes/

Novos vídeos e fotos do massacre mostram o verdadeiro terror dentro do Compaj (Imagens fortes)

 

 

 

ver mais notícias