Fundo da primeira-dama do AM vai comprar ambulância pagando quase meio milhão

O Fundo de Promoção Social (FPS), que tem como presidente de honra a primeira-dama Edilene Gomes de Oliveira, e que esse ano recebeu um orçamento de mais de R$ 20 milhões, anda gastando por conta. De acordo com publicação do último dia 27, no Diário Oficial do Estado (DOE) a secretaria executiva do órgão, Vânia Maria Cyrino Barbosa, liberou a “bagatela” de R$ 450 mil para a aquisição de uma ambulância de suporte avançado (UTI móvel) para a Policlínica Tenente Weber, da Polícia Militar do Amazonas.

Nada contra a compra da ambulância, mas de acordo com fontes do site Fato Amazônico, uma ambulância UTI não chega a custar R$ 450 mil conforme a liberação do fundo da primeira-dama, mas cerca de R$ 200 a 250 mil, ou seja, o preço pago pelo Fundo de Promoção Social, que agora mudará o nome para Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza, é quase o dobro e daria até para compar duas ambulâncias.

A ambulância de suporte avançado é para a Policlínica Tenente Weber, localizado nas dependências do Comando Geral da Polícia Militar, na Rua Benjamim Constant, em Petrópolis, na Zona Sul de Manaus, mas não será para servir a unidade e os policiais militares que por ali passam.

De acordo com a publicação do Diário Oficial, será usada para ao grandes eventos, como por exemplo, jogos na Arena da Amazônia, eventos no Sambódromo, na Ponta Negra e em outros locais.  

 

FONTE: Fato Amazônico
ver mais notícias