Edilene Oliveira a mulher de José Melo chorou muito na despedida do secretariado

A reunião do ainda governador José Melo com o secretariado estadual, que iniciou às 11h20 e encerrou às 12h20 de hoje (05/05), transcorreu em clima de velório.

O governador, tentando mostrar-se sereno, após a cassação do mandato dele pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ontem, revelou que “liberou” o vice Henrique Oliveira para “tentar se livrar dessa bronca”.

O destaque acabou sendo a primeira-dama do Estado, Edilene Gomes de Oliveira, que tomou a palavra e fez uma espécie de balanço do trabalho do Fundo de Promoção Social, que ela dirige, com a Secretaria Estadual de Saúde (Susam). E chorou, no fim, ao se despedir de todos. Henrique, que compôs a mesa ao lado do governador, de Edilene e do chefe da Casa Civil, José Pacífico, chorou também na hora da despedida. Mas só Melo e Edilene usaram a palavra.

ver mais notícias