David Almeida recebe título de cidadão de Manacapuru e anuncia investimentos na cidade

A Câmara Municipal de Manacapuru entregou o título de cidadão manacapuruense ao governador David Almeida, nesta quarta-feira, 27. Proposta pelos vereadores Robson Nogueira e Natan Nogueira, a outorga foi aprovada por unanimidade pelos 15 vereadores.

“Sem dúvida é uma grande honra. E eu sou um eterno devedor de Manacapuru, quero poder trabalhar para trazer desenvolvimento, melhoria da qualidade de vida para população dessa cidade, que me acolheu e me tornou o mais novo filho de Manacapuru”, afirmou o governador,  acrescentando que a cidade irá receber a pavimentação asfáltica da malha viária no valor de R$ 21 milhões,  além da entrega de um tomógrafo e uma ambulância e da recuperação do hospital da cidade.

O autor da proposta, vereador Robson Nogueira, ressaltou as ações do governo do estado em Manacapuru, como o reinício das obras de duplicação da rodovia Manoel Urbano,  entrega de 45 toneladas de alimentos para as vítimas da cheia pela Defesa Civil e o mutirão oftalmológico que atendeu mais de 700 pessoas.

A melhoria das vias, junto com recuperação de ramais, é uma forma de contribuir na geração de receita e renda com o escoamento mais rápido e consequentemente aumento da produção, avalia David Almeida. “Esse dinheiro precisa ser investido na economia dos municípios para que possa circular e aumentar a arrecadação. Então, a lógica é que precisamos movimentar o dinheiro para gerar emprego e renda para a população”, enfatizou.

O Governo do Estado investe cerca de R$ 175 milhões no interior em obras que estão sendo executadas, em licitação ou aguardando ordem de serviços. A recuperação da malha viária para movimentar a produção rural agrícola também vai alcançar os dois maiores municípios do amazonas, Itacoatiara com R$ 20 milhões e Parintins R$ 18,3 milhões.

Para garantir o escoamento e ampliar a produção de frutas e peixes, o Governo está revitalizando de ramais e vicinais em 16 municípios. O asfaltamento de ramais como “ZF9” em Rio Preto da Eva, e mais recentemente o “Arapapá’ em Manacapuru, são exemplos de onde os recursos estão sendo aplicados. Juntos, os dois municípios são os maiores produtores de pescado do Estado.

“Essas obras garantem que os produtores rurais tenham condições de escoar seus itens com mais facilidade para os grandes centros comerciais, gerando renda para as comunidades essencialmente agrícolas”, afirmou David Almeida.

ver mais notícias