Quarta morte é registrada entre índios venezuelanos em Manaus


Manaus/AM- Uma idosa venezuelana de 64 anos morreu na madrugada deste domingo (4) em um prédio no Centro de Manaus.

Já é o quarto caso de morte entre venezuelanos em Manaus. O causa da morte foi mal súbito.

Os índios venezuelanos começaram a chegar a Manaus no ano passado. A crise na Venezuela foi o motivo da saída dos índios da cidade de Boa Vista (RR).

Os waraos estão divididos em dois grupos. O mais visível, de cerca de 278 pessoas, estava acampada sob um viaduto ao lado da rodoviária. Na quarta-feira (1), eles foram levados a um prédio adaptado pelo governo estadual, com capacidade para abrigar 300 pessoas.

Segundo informações, nesta terça-feira (6) a Secretaria de Estado de Justiça fará um recenseamento dos Waros abrigados em cinco prédios no centro, mas ainda não há prazo para a realocação.

ver mais notícias