Selos da época em que Havaí era um reino vão a leilão

NOVA YORK – Uma coleção de selos históricos, emitidos quando o Havaí ainda era um reino, vai a leilão e deve alcançar preço de venda de pelo menos US$ 2 milhões. O colecionador William H. Gross está oferecendo 77 itens em um leilão no dia 29 de maio, durante a Feira Mundial de Selos.

Segundo o diretor da Robert A. Siegel Auction Galleries, Charles Shreve, a coleção tem “algumas das mais icônicas raridades na filatelia do Havaí”. Há dez modelos de selos lançados ainda em 1851, antes do fim do reinado no Havaí. O Havaí se tornou território americano em 1898 e, desde 1959, é o 50º estado.

Alguns selos são novos, mas há outros usados, cancelados e até nos envelopes. Esses selos foram usados por missionários e são exemplos dos primeiros selos do Havaí. O leilão também tem cartas sem selos, como uma enviada a uma pessoa em Danbury, no Connecticut, que traz informações sobre a rotina dos missionários. No texto, o missionário afirma que seu trabalho vai exercer “uma grande influência, para o bem ou para o mal,” para a população indígena.

ver mais notícias