CPI do Carf aprova convocação de Joseph Safra

BRASÍLIA – A CPI do Carf aprovou no início da tarde desta terça-feira a convocação do presidente do banco Safra, Joseph Safra. Por 12 votos a 2, e duas abstenções, a comissão aprovou o requerimento de convocação, de autoria do deputado Altineu Cortês (PMDB-RJ). Alguns parlamentares tentaram evitar a convocação de Safra. O principal opositor foi o deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA).

Os deputados a favor argumentaram que não poderia impedir a convocação do banqueiro que, na semana passada, tornou-se réu na Justiça Federal, acusado de envolvimento no pagamento de propina para influenciar julgamentos no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf).

— Não há razão para evitar essa convocação. O senhor Joseph Safra já é réu numa ação na Justiça — disse Ivan Valente (PSOL-SP).

Segundo Aleluia, Joseph Safra vive na Suíça. Ainda não há data para a audiência para ouvir o banqueiro.

A CPI aprovou também a convocação de outros nomes ligados ao caso Safra: Eduardo Leite e Lutero Fernandes, funcionários da Receita; o ex-conselheiro do Carf Jorge Victor Rodrigues; e Jefferson Salazar, auditor aposentado.

Também serão convocados a depor na comissão outros investigados na Operação Zelotes, como Mauro Marcondes e sua mulher, Cristina Mautoni, advogados e sócios da Marcondes e Mautoni; o advogado José Ricardo; o ex-presidente da Mitsubishi Paulo Arantes Ferraz; o ex-presidente do Carf Edison Pereira Rodrigues; e da ex- assessora da Casa Civil da Presidência da República Lytha Spíndola.

(Estagiário sob supervisão de Evandro Éboli)

ver mais notícias