BC libera informações a bancos para beneficiar bom pagador

BRASÍLIA – Para melhorar o ambiente de negócios no sistema financeiro, o Banco Central ampliou a base de dados do Sistema de Informações de Crédito (SCR) para que os bancos tenham acesso aos dados de todos financiamentos acima de R$ 200 feitas no país. Atualmente, as instituições financeiras recebem apenas informações de quem tem transações acima de R$ 1 mil.

Ter o histórico dos pagamentos feitos em todas as instituições dá para os bancos uma segurança maior para emprestar para os clientes nestes tempos de crise. Em momentos como este, há retração na hora de aprovar o financiamento pela incerteza do desemprego crescente. Com as informações, que estarão disponíveis a partir de 30 de junho, as instituições podem diferenciar os bons pagadores e não exigir uma taxa de juros tão alta para cobrir o risco de inadimplência.

“Essa alteração contribui para o aprimoramento das ferramentas que o Banco Central possui para monitorar o sistema financeiro, bem como para supervisionar e avaliar as condições econômico-financeiras das instituições e do mercado de crédito, sob as óticas micro e macroprudencial”, afirmou o BC em nota.

“A medida aumenta a quantidade de clientes que poderão consultar seus registros no SCR, além de permitir que as instituições financeiras ampliem sua capacidade de avaliação de risco de crédito”.

A circular que amplia a base de dados foi publicada nesta quinta-feira pela autoridade monetária. Foi assinada por três diretores diferentes: Anthero Meirelles (Fiscalização), Altamir Lopes (Política Econômica) e Administração (Luiz Edson Feltrin).

ver mais notícias