Anatel pede que interessados se manifestem para administrar recuperação judicial da Oi

RIO – A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) abriu hoje, por meio de aviso publicado no Diário Oficial da União, Consulta de Interessados para Administrador Judicial para o processo de recuperação judicial do Grupo Oi, que conta com dívidas de R$ 65,4 bilhões. Segundo o órgão regulador, “pessoas jurídicas interessadas em participar devem preencher, até a próxima sexta-feira, 8 de julho, 18h (horário de Brasília) um questionário disponível no site da Anatel”.

Em nota ainda, a Anatel disse que a “abertura de Consulta de Interessados tem como objetivo atender decisão do juiz Fernando Cesar Ferreira Viana, da Sétima Vara Empresarial do Tribunal de Justiça do Rio, que determinou que a Agência indique até cinco nomes de pessoas jurídicas com idoneidade e expertise para serem avaliados para nomeação como Administrador Judicial do caso”.

Na semana passada, uma fonte disse que o Conselho Diretor da Anatel chegou a conclusão de que o órgão que regula o mercado de telecomunicações não tinha expertise para indicar até cinco empresas com experiência em administrar processos de recuperação judicial. Segundo outras fontes, estariam na disputa companhias como Alvarez & Marsal, Deloitte, Ernest & Young, KPMG e Price. Porém, as duas mais cogitadas para levar o processo são Alvarez & Marsal e Deloitte.

Com cerca de 13 mil credores, a Oi ainda estuda como publicar a lista de empresas com recursos a receber no Diário Oficial da União.

ver mais notícias