Dilma conclui que não há como manter do PMDB no governo

Após a saída do PMDB do Governo, as coisas ficaram complicadas para a presidente Dilma. Alguns ministros do partido sinalizaram que pretendem ficar em seus cargos, incluindo Eduardo Braga e disseram nesta quarta-feira que suas saídas dependem apenas de Dilma. Porém, após uma reunião com o ex-presidente Lula, a presidente concluiu que não há espaço para manter ministros de um partido que saiu do governo em seus respectivos cargos.

Dilma deve oferecer os ministerios do PMDB para partidos como PSD, PP e PR, em troca de apoio no processo de impeachment. 

A decisão da presidente deve sair na sexta-feira (01), porém pelo o que acontece em Brasília, três ministros devem ficar e dois irão sair. Entre os que devem sair estão Eduardo Braga (Minas e Energia), Marcelo Castro (Saúde) e Celso Pansera (Ciência e Tecnologia).

ver mais notícias