Deputado que votará contra o impeachment reclama de ameaças

O deputado Aliel Machado (Rede-PR) reclamou das ameaças que vem sofrendo depois que anunciou voto contra o impeachment de Dilma Rousseff. Segundo ele, seu número de celular foi divulgado e, após várias ameaças, teve que desativar o “Whatsapp”. Diz também que estão distribuindo panfletos apócrifos, alguns deles despejados em frente à casa de seus pais, em Ponta Grossa, no interior do Paraná. Produziram até mesmo um vídeo para atacá-lo.

– Criaram vídeos me atacando, foram à casa dos meus pais. Mentiram sobre várias coisas. Esse vídeo, é caríssima a produção – afirmou o deputado.

Ele diz que as ameaças não vão fazê-lo mudar o voto.

– Sou contra. Não vou dar isso (voto favorável ao impeachment) para o Cunha não – disse Aliel, numa referência ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), um dos maiores defensores do impeachment.

ver mais notícias