Vendedor é baleado no braço dentro de loja Novo Mundo no Centro de Manaus

O vendedor Wellington Francisco Gomes, 30, foi atingido com um tiro no braço direito, enquanto trabalhava em uma loja de eletroeletrônicos, na tarde desta segunda-feira (6), no Centro de Manaus. Uma testemunha de 31 anos informou que o disparo foi efetuado por um policial militar ao tentar abordar um homem suspeito de praticar crimes na área central da cidade. A Polícia Militar afirma que o disparo foi feito pelo criminoso, que conseguiu escapar.

Um amigo de Wellington, de 31 anos, que pediu para não ter o nome divulgado, informou que ele e o vendedor estavam conversando no interior da loja quando começaram os disparos. “Vimos o policial atirando para tentar conter o assaltante e só vi quando ele (Wellington) gritou. Pensei que era de susto, mas ele já estava era baleado”, disse.

De acordo com a testemunha, mesmo após ter baleado o vendedor, o policial continuou atirando. “Vimos que ele saiu na moto e continuou atirando. Ele efetuou cerca de dois disparos, dos quais um atingiu o nosso colega. Mesmo assim, ele (PM) não parou para socorrer o rapaz”, falou.

Wellington foi atingido com um tiro no braço direito. Ele foi socorrido por colegas de trabalho e levado ao Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, onde até o fechamento desta edição, seguia internado.

O policial envolvido na ocorrência não teve o nome divulgado. De acordo com a assessoria de comunicação da PM, o disparo não foi efetuado pelo policial. Segundo a polícia, o tiro foi disparado pelo criminoso, que conseguiu escapar.

Com informações e Foto do Portal D24

ver mais notícias