Pai é assassinado com filha de dois anos nos braços, na Zona Leste de Manaus

O vendedor Bruno dos Santos Januário, 26, foi executado enquanto carregava a filha de apenas dois anos nos braços. O crime ocorreu na noite dessa segunda-feira (19) no bairro João Paulo 2, Zona Leste de Manaus. A vítima foi atingida a poucos metros de casa, na rua Alfazema, enquanto ia comprar um refrigerante num comércio, com a mulher e a filha.

Moradores do local afirmam que dois homens em uma motocicleta cercaram a família e dispararam contra o vendedor. Ele levou um tiro de raspão na cabeça e, logo após, virou o corpo, a fim de proteger a criança. Assim que os dois caíram no chão, o autor dos disparos efetuou mais um tiro contra a cabeça do homem. Por pouco, a esposa e a filha não foram também alvejadas.

A mãe de Bruno disse que o filho vinha sofrendo ameaças, porém não disse a ela por quem nem por que motivo.

“Meu filho não vendia droga, trabalhava vendendo DVD no Centro. Se o meu filho não prestasse eu jamais ia ‘açoitar’ ele. Meu filho não se envolvia com isso. Somos humildes, mas sempre procurei criei meus filhos honrados, sem roubar e se envolver com coisas ruins. Não sei como explicar o que aconteceu”, lamentou a mãe.

O jovem morreu no local. Na manhã dessa terça-feira (20), moradores da localidade reuniram-se para lavar a rua, que ainda tinha marcas de sangue pela violëncia sofrida por Bruno. Ele deixou uma esposa e quatro filhos, sendo um dos filhos um bebê de apenas um ano.

O caso foi atendido por policiais da 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom). A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (Dehs) deve investigar o caso.

ver mais notícias