O que aconteceu? Dez dias se passaram e os jovens continuam desaparecidos do bairro Grande Vitória em Manaus

desaparecidosCompletou dez dias de buscas pelos jovens Alex Julio Roque de Melo, 25, da atendente de caixa Rita de Cássia Castro da Silva, 19, e de Weverton Marinho, 20, que desapareceram desde o dia 29 do mês passados, depois de terem sido abordados por duas guarnições da Polícia Militar, da 4ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), no bairro Grande Vitória, na Zona Leste. Buscas incansáveis, dos pais principalmente, na maioria das vezes por conta própria, e com recursos próprios, como terçados, enxadas e cães da raça vira-lata, lanternas e outros equipamentos. Eles até criaram um grupo no WhatsApp onde buscam informações que levem ao paradeiro dos desaparecidos.

 

Se vivos ou mortos, o que eles querem é encontrá-los para dar a eles no mínimo um enterro descente. Hoje pela manhã, prometem fazer uma manifestação em frente à sede da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/AM). “Nós queremos que eles nos ajudem o tempo está passando e os policiais que levaram o meu irmão está em liberdade”, disse Amanda Roque, irmã de Weverton.

De acordo com  o secretário de segurança pública Sérgio Fontes, as investigações, que estão sendo presididas pelo titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Seqüestros (DEHS), Ivo Martins, estão bem adiantadas e, até ao final desta semana, o caso deverá estar esclarecido.

ver mais notícias