Homem embriagado vai à casa da ex e acaba sendo agredido e amarrado após ameaçar pedreiros

Um homem, de 38 anos, que não teve o nome revelado, foi agredido e teve mãos e pés amarrados, por trabalhadores de uma obra, na manhã deste sábado 917), até a chegada da polícia. Visivelmente sob o efeito de bebida alcoólica, ele estaria incomodando os profissionais e teria os ameaçado de morte.

O caso ocorreu após a vítima, que passou a noite bebendo, tentar fazer uma visita à ex-mulher – que mora no bairro Novo Aleixo, Zona Norte de Manaus. “O homem passou a noite bebendo e foi na casa da ex e começou a gritar. Ele queria entrar no local, que estava fechado. Os pedreiros estavam fazendo uma obra na casa do vizinho e começaram a ser alvos de xingamentos do bêbado. Os homens só partiram para cima dele quando ele ameaçou matá-los”, disse um policial militar que atendeu a ocorrência.

O homem levou alguns socos e chutes. Os pedreiros o amarram até a chegada da polícia. Ele foi levado ao 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde o caso foi registrado.

Em grupos de WhatsApp chegaram a cogitar que o homem seria um assaltante e teria sido amarrado durante uma suposta tentativa de assalto, mas os policiais militares da 27ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) desmentiram a versão.

“Não tem nada a ver com assalto. Era só um caso de um bêbado que ficou incomodando a ex e acabou recebendo uma lição por não saber se controlar e incomodar os outros”, disse o policial.

ver mais notícias