Feirante é morta com tiro na costa no box em que trabalhava no Mutirão

A feirante Rylley Lima Álvares, 35, foi executada na noite dessa quarta-feira (3), em frente ao box onde trabalhava, na Feira do Mutirão, no bairro Novo Aleixo, zona Norte de Manaus.Segundo uma amiga da vítima, a feirante já havia sido ameaçadora de morte duas vezes. Os autores chegaram ao local a pé e após atirarem contra Rylley, fugiram do local.

“Ela tinha acabado de fechar a banca dela e estava conversando com outros feirantes. Os homens chegaram e foram na direção dela, que ainda tentou fugir”, disse a mulher.

A vítima foi alvejada com um tiro nas costas e levada para o Hospital e Pronto Socorro Dr. Platão Araújo. Ela morreu por volta das 21h20.

A mulher já havia sido presa por tráfico de drogas e estava em liberdade há três meses. O crime é investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

ver mais notícias