CM7

     
 
 
Manaus, 18 de outubro
Mercado financeiro
Dólar
Euro
 
 
Home / Últimas Notícias / Polícia / “Cegueta” é preso por envolvimento na morte de empresário em Manaus

“Cegueta” é preso por envolvimento na morte de empresário em Manaus

Da redação | 25/05/2016 22:36

MANAUS – Fabrício Alves Damasceno, de 19 anos, conhecido como “Cegueta”, foi apresentado a imprensa na manhã desta quarta-feira (25) após ser preso por envolvimento no latrocínio – roubo seguido de morte – do empresário Petterson de Carvalho Horta Campos, de 37 anos. O crime aconteceu no dia 17 de maio, na Rua Nova Aurora, no Conjunto Cophasa, bairro Nova Esperança.

De acordo com o Ivo Martins, delegado titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Fabrício procurou a polícia, no último sábado (21), junto com um advogado, para se entregar.

Em depoimento, o suspeito revelou que no dia crime, Adriana Peres Ventura, conhecida como “Loirinha”, e Joicilene Godinho Chaves, conhecida como “Joice” ou “Jojó”, seduziram Petterson em um posto de gasolina e ele as convidou para entrar no carro. Elas pediram que ele fosse até o bairro Nova Esperança.

Chegando ao lugar indicado pelas moças, dois homens, Fabrício e Edson Moreira de Souza, o “Nego Oitão”, já estavam à espera da vítima e anunciaram o assalto. Em seguida, eles mataram Petterson com um tiro no tórax.

As duas mulheres e Edson ainda estão foragidos. O mandado de prisão temporário de Fabrício foi expedido no mesmo dia da prisão, pelo juiz do Plantão Criminal, Erivan de Oliveira Santana. “Cegueta” foi indiciado por latrocínio.

Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie em Nossas Pesquisas

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA