Baixa no crime, ‘Bruninho da 14’ é preso por tentar matar X9


Bruno Silva de Almeida, conhecido como “Bruninho da 14”, foi preso em flagrante, nesta sexta-feira (23), por tentativa de homicídio e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito. Ele foi localizado por policiais civis da equipe “Abutre”, do 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP), em uma ponte do beco General Glicério, bairro Praça 14 de Janeiro, Zona Sul de Manaus.

De acordo com os policiais, um homem, que foi vítima da tentativa de homicídio, procurou a Polícia Civil para noticiar que, na noite de quinta-feira (22), no beco Celestino, próximo à sede do 1º DIP, Bruno realizou disparos de arma de fogo contra ele. Ainda segundo o homem, Bruno justificou que a ação criminosa só aconteceu porque a vítima, segundo o agressor, era informante da polícia e, por isso, deveria morrer. Bruninho sacou a arma, que estava guardada sob a roupa, e disparou vários tiros em direção a vítima.

O homem foi baleado, socorrido e encaminhado para o Hospital e Pronto-Socorro (HPS) 28 de Agosto, bairro Adrianópolis, Zona Centro-Sul, e recebeu alta médica na manhã de hoje. Na ocasião, a vítima foi imediatamente até à unidade policial e denunciou o crime. Durante a abordagem policial, o acusado tentou fugir e jogou a arma em um igarapé às margens da sua casa. No entanto, a equipe fez o cerco e conseguiu prender o autor e apreender a arma de fogo.

Bruno foi preso em flagrante e, no 1º DIP, foi autuado por tentativa de homicídio e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito. A Polícia Civil destacou ainda que Bruninho da 14 já estava sendo investigado pela equipe Abutre por envolvimento com o tráfico de drogas, além de já ter sido preso por tráfico, roubo e homicídio qualificado.

ver mais notícias