Acusados da morte de vocalista da Júnior e Banda são presos

Kaison Rodrigo Pena da Silva, 23; Ozivan dos Santos de Oliveira, 31, e Henrique Silva da Silva, 22, conhecido como “Kinho”, acusados do assassinato do cantor Melvino de Jesus Júnior, 43 anos líder do grupo musical “Júnior e Banda”, foram presos por policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). O crime ocorreu no dia 29 de abril deste ano, no município de Codajás, distante 240 quilômetros em linha reta da capital durante a Festa do Açaí.

De acordo com informações divulgadas na manhã desta terça-feira (13) pelo delegado Juan Valério, que comanda as investigações o cantor Melvino de Jesus Júnior, foi morto por engano, o alvo era um traficante de Coari, identificado apenas como Vitão.

O delegado Juan Valério disse ainda que Henrique, o “Kinho” também está envolvido no homicídio do policial militar Paulo Sérgio da Silva Portilho, que teve o corpo encontrado na tarde do dia 30 do mês passado, na Rua 222-A da invasão Vila Buriti, Comunidade João Paulo, bairro Nova Cidade, Zona Norte de Manaus.

Para elucidar a morte do cantor de acordo com o delegado foi solicitada a exumação do corpo. O procedimento ocorreu ontem (12) por volta das 9h15, no Cemitério Parque Tarumã, situado na Avenida do Turismo, bairro Tarumã, zona Oeste de Manaus.

Em seguida os restos mortais foram levados para perícia complementar no Instituto Médico Legal (IML). Conforme Juan Valério, a medida foi necessária para retirar as balas do corpo de Melvino, a fim de esclarecer dúvidas que surgiram no Inquérito Policial (IP) em torno do caso.

As prisões

Kaison foi preso no último sábado (10) no bairro João Paulo, Zona Leste de Manaus e seria o autor dos disparos que matou o cantor e feriu outros dois músicos, segundo testemunhas.

Ozivan foi preso no último domingo (11) em Codajás por determinação do juiz do município, Luiz Pires de Carvalho Neto. Ele e apontado como sendo a pessoa que deu fuga a Kaison em uma lancha rápida depois do crime.

O terceiro envolvido é Kinho ele foi preso ontem (12) em uma embarcação no meio do rio Solimões que tinha como destino o município de Coari.

ver mais notícias