Suspeito declarou lealdade ao EI antes do massacre nos EUA

Miami — Omar Mateen, o suposto autor do massacre que matou 50 pessoas em uma boate em Orlando, pouco antes de efetuar o ataque ligou para os serviços de emergência (911) e declarou lealdade ao grupo terrorista Estado Islâmico (EI), informou o canal “NBC” News.

De acordo com veículos de imprensa americanos, as autoridades têm registrada uma chamada de Mateen na qual declarou sua lealdade ao grupo terrorista.

ver mais notícias