Prefeita quer criar campo de refugiados em Paris

PARIS — A prefeita de Paris, Anne Hidalgo, anunciou nesta terça-feira que deseja criar um campo de refugiados na capital francesa, onde as autoridades se veem obrigadas a desmantelar acampamentos informais com frequência por motivos de segurança e de saúde.

A prefeitura está analisando “diferentes locais para ver em quanto tempo poderemos colocá-los à disposição do Estado”, disse a prefeita em uma entrevista coletiva.

A prefeita afirmou que a situação atual é insustentável na cidade e citou como exemplo um campo ilegal de refugiados criado há alguns dias na zona norte de Paris, onde quase 800 pessoas estão instaladas em condições difíceis.

Nesta terça-feira, o Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (Acnur) revisou para 880 o número de imigrantes e refugiados mortos tentando cruzar o mar Mediterrâneo na semana passada. A Organização Internacional para Migrações (OIM) contabilizou um número ainda maior, de mais de mil óbitos.

Este ano “está se mostrando particularmente mortal” devido às 2.510 vidas perdidas em barcos que naufragaram ou viraram — foram 1.855 no mesmo período de 2015, disse o porta-voz do Acnur William Spindler.

“Atualmente, (os traficantes de pessoas) estão colocando muitas pessoas em barcos que mal podem navegar e que em muitos casos não foram feitos para essa travessia. O que acontece é que, assim que partem, eles pedem socorro e as equipes de resgate vão e os resgatam”, afirmou Spindler em um comunicado à imprensa. “É uma corrida contra o tempo chegar lá antes que os barcos afundem, em alguns casos já é tarde demais”.

ver mais notícias