Príncipe William faz apelo contra homofobia em capa de revista gay

LONDRES — O príncipe William virou a estrela de uma capa da revista gay “Attitude”. Na publicação britânica, ele fala sobre a importância de combater a discriminação sexual. A aparição vem poucos dias após um atirador matar 49 pessoas em uma boate gay de Orlando, no que é considerado o maior ataque armado da História dos EUA.

Esta é a primeira vez que um membro da família real britânica aparece na capa de uma publicação destinada ao público homossexual. Na entrevista, William fez um apelo para que os jovens discriminados pela sua sexualidade procurem ajuda.

— Ninguém deveria ser discriminado pela sua sexualidade ou por nenhuma outra razão. E ninguém deveria ter que suportar o ódio que estes jovens enfrentaram em suas vidas — disse o príncipe, que é o segundo na linha de sucessão ao trono britânico.

Na terça-feira, o príncipe e a sua mulher, Kate Middleton, assinaram um livro de condolências em homenagem às vítimas do ataque à boate Pulse. A cerimônia aconteceu na Embaixada dos EUA em Londres.

ver mais notícias