CM7

 
Manaus, 23 de outubro
Mercado financeiro
Dólar
Euro
 
 
Home / Últimas Notícias / Mundo / Itália prende afegãos suspeitos de planejarem ataques

Itália prende afegãos suspeitos de planejarem ataques

Da redação | 10/05/2016 12:20

BARI, Itália — A polícia da cidade portuária de Bari, no Sul da Itália, prendeu dois afegãos e procura outros três suspeitos de planejarem ataques jihadistas contra Bari, Roma, Paris e Londres. Dois dos procurados podem ter retornado ao Afeganistão, informaram as autoridades.

Vídeos e fotos encontrados nos celulares dos detidos sugerem que ataques estavam sendo planejados contra locais muito conhecidos nas quatro cidades. Entre eles estariam os hotéis West India Quay e Royal Victoria Dock em Londres. Outros alvos seriam aeroportos, portos e shoppings.

Os detidos foram identificados como Hakim Nasiri, de 23 anos, e Gulistan Ahmadzai, de 29. Um deles seria suspeito de terrorismo, enquanto o outro pode ter ajudado com documentos falsos, informou o ministro do Interior, Angelino Alfano. Um terceiro homem, um paquistanês suspeito de ajudar com a imigração ilegal, foi preso em Milão, informou uma fonte. Suspeita-se que sejam ligados a um grupo internacional que apoia o Estado Islâmico.

Entre as imagens guardadas nos telefones estavam fotos de Nasiri com um fuzil. Outras mostram imagens de armas e de soldados americanos mutilados.

A célula terrorista teria se estabelecido em Puglia, onde fica a cidade de Bari. A Itália nunca sofreu um atentado jihadista nas proporções de França ou Bélgica, mas várias pessoas já foram presas sob suspeita de planejar ataques.

— Não há indício de um ataque iminente à Itália — disse o promotor de Bari, Giuseppe Volpe.

Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie em Nossas Pesquisas

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA