Destroços de avião do Mianmar com mais de 100 pessoas, são encontrados no mar

São Paulo – Foram encontrados os destroços da aeronave militar que havia desaparecido nesta quarta-feira em Mianmar. O avião era ocupado por mais de 100 pessoas, entre soldados, seus familiares e tripulantes.

A aeronave caiu no mar de Andaman após ter decolado às 13h06 (horário local) da cidade de Myeik, sudeste do país, desaparecendo dos radares 29 minutos depois.

Após uma operação de busca com seis navios e três aeronaves, parte da fuselagem foi encontrada no mar a cerca de 218 quilômetros da cidade de Dawei, que fica quase que na metade do percurso que a aeronave percorreria. Seu destino era Rangum, uma das principais do país.

Mianmar

Embora seja temporada de monções em Mianmar, autoridades informaram que não havia registros de mau tempo na região no momento do incidente e agora investigam as razões da queda.

Aeronave

O avião, um Y-8F-200 de fabricação chinesa, foi entregue às Forças Armadas em março de 2016 e tinha 809 horas de voo. Tinha a capacidade de transportar até 200 pessoas.

*Com informações das agências AFP, EFE.

ver mais notícias