Catástrofe: Iceberg de um trilhão de toneladas se desprende na Antártica

Cientistas da Universidade de Swansea, no Reino Unido, anunciaram que um bloco de gelo de um trilhão de toneladas e 5.800 quilômetros quadrados se desprendeu da plataforma de gelo Larsen C, na Antártica.

Apesar de não ser o maior iceberg da história (título dado a um iceberg de 11.000 quilômetros quadrados que se desprendeu em 2000), os cientistas acompanham de perto o desenvolvimento do local pois outras duas partes do iceberg, Larsen A e Larsen B já se desprenderam mais ao norte da Península Antártida.

“Ele pode permanecer inteiro, mas é mais provável que se quebre em fragmentos. Parte do gelo pode permanecer na área por décadas, enquanto outras partes podem seguir para o norte, para águas mais quentes”, disse Adrian Luckman, professor da Universidade de Swansea e principal pesquisador do projeto MIDAS, que vem monitorando a plataforma de gelo há vários anos.

Os blocos de gelo que partirem rumo ao oceano podem derreter, o que contribuiria para elevar o nível do mar. A presença do gelo solto no oceano também aumenta risco para navios. Apesar de a região estar longe de grandes rotas comerciais, ela faz parte do roteiro de cruzeiros que visitam a região a partir da América do Sul.

ver mais notícias