Americano atira em si mesmo e só nota dois dias depois

ORANGE CITY, EUA — Foram necessários dois dias para que um homem notasse que havia atirado em si mesmo no estado americano da Flórida. O disparo aconteceu enquanto Michael Blevins limpava uma arma perto do seu peito em casa.

No entanto, o americano de 37 anos não reparou que uma bala havia atravessado seu braço, deixando hematomas. Ele apenas percebeu que havia algo de errado quando, depois de dois dias, viu os ferimentos ao trocar de roupa.

Segundo a imprensa local, Blevins disse à polícia que se atrapalhou quando o seu cachorro tentou pular na arma. Ele se levantou rápido e acabou levando um tombo. Ele bateu a cabeça em uma mesa de vidro e chegou a ouvir um barulho alto, mas não sentiu nenhuma dor.

É possível que ele não tenha percebido a bala porque estava sob o efeito de analgésicos para suas frequentes dores nas costas.

ver mais notícias