Mototaxista é assassinado com tiro na cabeça no Adrianópolis, em Manaus

Manaus- O mototaxista Adriano da Silva Soares(23) morreu após levar um tiro na cabeça na tarde de ontem (8), na rua Guilherme Paraense, no bairro Adrianópolis, zona Sul da capital.

A suspeita seria que o rapaz tivesse sido vítima de um “justiceiro”, após ter cometido um roubo, no entanto, segundo familiares nenhum objeto roubado foi encontrado com ele.

“Meu filho foi morto com um tiro a queima roupa e nada foi encontrado com ele que pudesse indicar que ele estava roubado, nem mesmo o celular dele estava com ele, disse o pai da vítima.

O caso foi registrado na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

ver mais notícias