CM7

 
Manaus, 23 de outubro
Mercado financeiro
Dólar
Euro
 
 
Home / Últimas Notícias / Cidades / Zona Franca de Manaus atraem atenção de investidores do México

Zona Franca de Manaus atraem atenção de investidores do México

Da redação | 03/03/2016 15:51

Manaus- Motivada pelo interesse de empresas mexicanas – localizadas, especialmente, nas regiões Sul e Sudeste daquele País – na Zona Franca de Manaus (ZFM), a embaixadora do México no Brasil, Beatriz Paredes, visitou a sede da Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA) nesta quarta-feira (2) para se reunir com a titular da autarquia, Rebecca Garcia. Durante o encontro, que contou também com a participação de técnicos dos setores de Estudos Econômicos e Empresariais, Comércio Exterior e de Análise de Projetos Industriais, foi feita uma apresentação sobre o modelo de desenvolvimento regional e suas potencialidades, a pedido da comitiva estrangeira, para atualizar as informações e dirimir possíveis dúvidas sobre investimentos na região.

Segundo Beatriz Paredes, o interesse crescente de empresários mexicanos na ZFM se deu após reuniões de trabalho passadas entre representantes governamentais e empresariais de Brasil e México e, mais especificamente, a partir de visitas de comitivas mexicanas à região. “Depois dos encontros anteriores, empresas do Sul do México demonstraram grande interesse em investir na região, pelo potencial que a Zona Franca de Manaus oferece”, comentou a embaixadora. 

A reunião, conforme comentou a superintendente Rebecca Garcia, foi oportuna e vai ao encontro do que a SUFRAMA e o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) querem para a região, que é fomentar a inserção internacional de produtos oriundos do Polo Industrial de Manaus (PIM). “Em recente conversa com o nosso Ministério (MDIC), tratamos do incremento do comércio exterior diante das oportunidades que nos têm sido apresentadas. O mercado mexicano, inclusive, foi uma das pautas destacadas e temos grande interesse em uma maior aproximação com o país, com maior complementação e integração econômica”, enfatizou a superintendente.

Corredor econômico 
A possível criação de uma Zona Econômica Especial no Estado de Chiapas, no México, foi destacada pela embaixadora como uma grande possibilidade de aproximação entre as regiões. “Estamos aguardando as definições desta iniciativa, mas esta seria uma oportunidade de estudarmos a criação de um corredor econômico para uma aproximação comercial entre o México e a ZFM”, pontuou. 

A informação foi muito bem recebida pela superintendente Rebecca Garcia, que antecipou que vai viajar a São Paulo, na próxima semana, para tratar de assuntos de interesse da Zona Franca de Manaus, e sugeriu a realização de uma reunião com representantes do escritório local do ProMéxico, órgão governamental mexicano responsável pela coordenação de estratégias destinadas a reforçar a participação do país na economia internacional.

“Também temos interesse em levar uma missão empresarial da região para expor as potencialidades da Zona Franca de Manaus aos investidores mexicanos, mas acredito que seria ainda mais interessante que eles venham e conheçam de perto o modelo ZFM”, disse Rebecca Garcia.

Dados
De acordo com informações do sistema Aliceweb, do MDIC, o Estado do Amazonas exportou para o México, em 2015, US$ 39.7 milhões e importou US$ 189.5 milhões. Dentre os produtos mais exportados para o México, estão lâminas de barbear, consoles de videogames, motocicletas de cilindrada superior a 125 cm³ e unidades de discos magnéticos para discos rígidos. Entre os produtos importados para o Amazonas, destaque para insumos para fabricação de aparelhos receptores de radiodifusão e televisores, embarcações, circuitos montados e cimento comum.

Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie em Nossas Pesquisas

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA