TRT condena Sindicato dos Rodoviários em R$ 600 mil por greves de ônibus irregulares

O Sindicato dos Rodoviários de Manaus foi multado em R$ 600 mil por descumprir ordem judicial em que proibia a greve de ontem (26), que acabou por paralisar 100% das frotas de ônibus, prejudicando milhares de pessoas.

Eleonora Saunier Gonçalves, presidente do TRT, determinou o bloqueio imediato dos bens do Sindicato dos Trabalhadores, além de aumentar o valor da multa para R$ 200 mil por hora, caso os trabalhadores do Sindicato realizem novas paralisações de agora em diante. Além do aumento, os representantes serão denunciados por crime de desobediência, já que não seria primeira vez que descumpririam a liminar.

O Sindicato dos Rodoviários garantiu não fazer mais paralisações enquanto o Disídio Coletivo 2017/2018 dos profissionais da categoria não for julgado.

ver mais notícias