Alerta: Rio Negro seca 40 cm e três cidades estão em situação de emergência

O nível do rio Negro desceu mais quatro centímetros nesta terça-feira (16). O período é de cheia, mas nos últimos 13 dias a água baixou 40 cm. A cota atual é de 19,74 m.

Foto: Rickardo Marques

Os reflexos da estiagem também são percebidos em outros municípios da calha do Rio Negro. São Gabriel da Cachoeira, Santa Isabel do Rio Negro e Presidente Figueiredo decretaram situação de emergência por conta da seca, e Barcelos, por conta das queimadas.

A seca dos mananciais ocasionada pela falta de chuva ameaça isolar cidades e já compromete o abastecimento de água e alimentos. De acordo com a Defesa Civil do Estado do Amazonas, a mudança foi motivada pelo El Niño.

Com o baixo nível do Negro, o tráfego das embarcações fica prejudicado. Desta forma, alimentos, medicamentos, combustível e até mesmo água potável não têm como chegar até algumas comunidades.

Para o chefe do Serviço de Hidrologia do Porto de Manaus, Valderino Pereira da Silva, o fenômeno é considerado normal e já aconteceu outras vezes no mesmo período sendo a última em 2007. 

De acordo com Valderino, as águas devem começar a subir nos meses de junho ou julho.

ver mais notícias