Caldo de cana vendido em feiras de Manaus estão com suspeitas de contaminação, afirma pesquisadora

Manaus- O caldo de cana vendido nas barracas de pastéis de feiras de Manaus pode causar sérios riscos à saúde, em função de parasitas encontrados na bebida.

A biomédica Mellina Victória Rodrigues Miléo (22) chegou a conclusão através de uma pesquisa realizada com amostras coletadas em feiras da Zona Sul que existe um alto índice de contaminação.

Ao todo, foram recolhidas 15 amostras de caldo de cana em alguns lugares, como na Manaus Moderna, Feira da Panair e do bairro da Betânia e o resultado foi que havia parasitas em todas as porções analisadas.

Os parasitas encontrados podem causar sérios riscos que vão desde uma simples dor de barriga até casos graves de anemia, se não for identificado e tratado ainda no início. “Os parasitos comensais podem causar um simples desconforto, enquanto os parasitos patogênicos podem causar graves problemas. O thaenia pode causar a doença neurocisticercose, que é grave e causando convulsões”, explicou a pesquisadora.

Para a pesquisadora, essa situação é muito complicada, já que a sociedade enfrenta grande desafio em relação a alimentação, a sua forma inadequada de manuseio, a ausência de fiscalização, recolhimento de alimentos de estabelecimentos comerciais e até a punição dos proprietários.

ver mais notícias