CM7

     
 
 
Manaus, 19 de outubro
Mercado financeiro
Dólar
Euro
 
 
Home / Últimas Notícias / Brasil / Temer cancela viagem a Portugal com representantes da oposição

Temer cancela viagem a Portugal com representantes da oposição

Da redação | 24/03/2016 12:30

BRASÍLIA – O vice-presidente da República, Michel Temer, cancelou a viagem que faria a Portugal no início da próxima semana para participar de um evento que reuniria líderes da oposição, como os tucanos Aécio Neves e José Serra, e o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes, que vem dando decisões contra o Planalto. Temer atendeu a um apelo de correligionários do PMDB para ficar no país porque o partido discutirá na próxima terça-feira, dia 29, se desembarca do governo Dilma Rousseff.

A viagem vinha sendo criticada porque o evento passou a ser visto como uma reunião para tratar do Brasil ‘pós-Dilma’. O seminário é organizado pelo Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP), de propriedade de Gilmar Mendes. O tema é “Constituição e Crise – A Constituição no contexto das crises política e econômica”.

As críticas vinham também de dento do PMDB. Uma ala do partido que resiste ao rompimento, liderada pelo presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), tenta adiar a data da reunião do diretório da legenda para discutir o desembarque. Um dos argumentos era justamente a ausência de Temer.

Os peemedebistas favoráveis ao impeachment não concordaram com o adiamento. Temer, então, decidiu permanecer para manter o contato com os dois grupos e buscar uma solução para evitar uma divisão do partido após um eventual desembarque.

Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie em Nossas Pesquisas

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA