Só o que faltava! Amazonense preso suspeito de terrorismo

A prisão de dez brasileiros inclusive um amazonense,  suspeitos de suspeitos de preparem atos terroristas durante a Olimpíada inspirados na Autoridade Islâmica já repercute na imprensa internacional.O site da rede de tv americana CNN lançou um banner em vermelho (”breaking news‘’) no alto da página para destacar o noticiário sobre o tema. Por volta do meio-dia, o site da rede britânica BBC mencionava o assunto em sua primeira página. Na página sobre o noticiário da América Latina o tema ganhou manchete com o título ‘’Brazil Olympics: Ten arrested for ‘plotting ‘terror’’.

O site do jornal britânico The Guardian também destacou o assunto em sua versão eletrônica em forma de breaking news. A reportagem é ilustrada com uma foto de um agente da Força Nacional patrulhando a Vila Olímpica. O breaking news remete a uma reportagem intitulada ‘’Brazilian police arrest Isis-linked group over alleged Olympics attack plot‘’, assinada por um repórter que está no Rio de Janeiro.

A edição eletrônica do Wall Street Journal, dos Estados Unidos, também tratou do assunto como uma de suas manchetes principais e faz menção que a ação foi deflagrada a duas semanas da Olimpíada . “ Brazil Police Arrest 10 in Suspected Terror Cell”m dis a chamada, De acordo com a matéria, a operação para deter s suspeitos teve a participação de membros da Agência Brasileira de Inteligência (ABIN) comparado pela publicação americana como uma versão nacional da CIA.

No site do jornal El País da Espanha, o tema é abordado como notícia urgente e ganhou a manchete do site. O titulo da reportagem cita o ministro da Justiça, Alexandre Moraes e a declaração de que os suspeitos eram inspirados pela Autoridade Islâmica: “Brasil arresta a sospechosos de planear atentados durante los Juegos Olímpicos, El ministro de justicia afirma que la célula, compuesta por diez jóvenes brasileños, está vinculada al ISIS”.

Na Argentina, o tema também ganhou destaque no Clarin X. A reportagem cita o fato que os integrantes usavam aplicativos e redes sociais para trocarem mensagens. “Alguns fizeram juramento ao Estado Inslâmico pela internet.”, diz parte da chamada da reportagem “Brasil desmantela una célula terrorista que planeaba atentar durante los juegos“. O tema também é destaque em uma das chamadas do La Nácion. O assunto ganhou destaque na primeira página do site: “Alerta en Brasil: detuverion a diez personas que planeaban atentados durante los Juegos Olimpicos”. ( Portal Holanda)

ver mais notícias