Revista em presídio de RR acha dois corpos enterrados após massacre

Em revista realizada neste sábado (7) na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, após a morte de 31 detentos, a polícia encontrou dois corpos enterrados na Ala da Cozinha, segundo informou a Secretaria de Comunicação do governo nesta tarde.

 

De acordo com o governo, os dois detentos não haviam sido identificados na contagem após a morte de 31 reeducandos.

A assessoria de Comunicação do governo destacou que ainda não se pode associar ao massacre. “Se tem relação [com o massacre na penitenciária] o exame que vai identificar pelo estado do corpo. É muito prematuro associar”, disse.

A perícia e a Polícia Civil estão no local para fazer a remoção e, em seguida, a identificação e liberação dos corpos para a família.

O massacre na maior unidade prisional de Roraima ocorreu na madrugada de sexta-feira (6), por volta das 2h30. Não houve rebelião e não foi registrado fuga, segundo o governo.

Dos 31 mortos, apenas cinco foram identificados pelo Instituto Médico Legal (IML) e pelo Instituto de Identificação e liberados para o sepultamento.

O governo divulgou na manhã deste sábado a lista com a relação dos detentos mortos

ver mais notícias