PF começa a analisar documentos apreendidos na 24ª fase da Lava-Jato

SÃO PAULO – A Polícia Federal (PF) começa a analisar nesta segunda-feira os materiais e documentos apreendidos na 24ª fase da Operação Lava Jato, deflagrada na sexta-feira. Entre os materiais apreendidos estão computadores, celulares e outras mídias.

A 24ª etapa, batizada de Aletheia, cumpriu mandados de busca e apreensão em 33 endereços ligados ao ex-presidente. Lula também foi alvo de um mandado de condução coercitiva e foi obrigado a prestar esclarecimentos aos procuradores da Lava-Jato. O depoimento foi tomado por policiais federais em uma sala no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo.

Parte do material foi apreendido no apartamento onde mora o ex-presidente Lula, em São Bernardo do Campo; na sede do Instituto Lula, na capital paulista; no tríplex no Guarujá, litoral, além do sítio frequentado por Lula em Atibaia. Os materiais passarão por perícia na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba.

ver mais notícias