Marcelo Calero será secretário de Cultura do governo Temer

BRASÍLIA – Marcelo Calero será o secretário Nacional de Cultura. O órgão ficará subordinado do Ministério da Educação, apesar das críticas e pressões do setor.

O presidente interino, Michel temer, não cedeu ás pressões para voltar atrás em sua decisão de extinguir o Ministério da Cultura. Também não aceitou as ideias de tornar a secretaria da Cultura um órgão vinculado à Presidência ou à Casa Civil.

O nome de Calero será anunciado pelo governo às 16h30. Diplomata, Calero é secretário municipal de Cultura do Rio. Assumiu a pasta no ano passado para coordenar o Comitê Rio450, voltado à promoção cultural da cidade.

ver mais notícias