Jovem perde braço após aplicação errada de injeções

Ângelo chegou a fazer uma reclamação na Ouvidoria
de Praia Grande (Arquivo pessoal)

 

Os familiares protocolaram uma reclamação no hospital e registraram um boletim de ocorrência

Um jovem precisou amputar o braço após receber uma série de injeções. O caso aconteceu em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Henrique dos Santos deu entrada no último dia 2 no Hospital Irmã Dulce com quadro de desidratação. Após ser medicado, o braço dele começou a necrosar.

Ao G1, a mãe de Henrique, Fabiana Amaro dos Santos, contou que o filho sofre de transtornos psiquiátricos e ficou três dias desaparecido. Ao voltar para casa, estava desidratado. “Chegando no hospital, deram quatro injeções de vários componentes na veia arterial e, pouco depois, o braço dele começou a necrosar. A gente não sabe nada sobre os medicamentos que deram para ele.”

Desesperado após a amputação, o jovem fugiu do hospital. “Ele está sofrendo. A vida dele acabou.”

De acordo à publicação, os familiares do jovem protocolaram uma reclamação no hospital e registraram um boletim de ocorrência na Delegacia de Praia Grande. Por meio de nota, a Fundação do ABC, que administra o hospital, afirmou que está prestando toda a assistência necessária ao jovem e aos familiares.

Henrique ainda está internado, sem previsão de alta.

Com Informações G1

 

 

ver mais notícias