Índice de rejeição a Temer supera o de Dilma

 

O índice de rejeição ao presidente Michel temer aumentou em um ano e chegaram a 78%.

Segundo a pesquisa, a popularidade ex-presidente Dilma Rousseff vem se recuperando desde de 2016. No pesquisa anterior, a petista era rejeitada por 90% dos entrevistados. Agora, o percentual é de 74%, inferior ao de Temer. Em impopularidade, Temer perde apenas para o deputado cassado Eduardo Cunha (89%) e para o senador Renan Calheiros (82%).
A pesquisa, realizada entre 1º e 11 de fevereiro, entrevistou 1,2 mil pessoas de 72 municípios brasileiros. A margem de erro é de três pontos percentuais.

ver mais notícias