Alerta: Confirmada a primeira morte por febre amarela no Rio de Janeiro

A chegada da febre amarela ao Rio de Janeiro acendeu um alerta nas autoridades e provocou a antecipação de uma grande campanha para vacinar toda a população do estado contra a doença, que já deixou 137 mortos no país.

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro confirmou a primeira morte por febre amarela silvestre. Caso foi registrado em Casimiro de Abreu, no interior do Rio. Watila Santos, de 38 anos, estava internado no Hospital Municipal Angela Maria Simões Menezes e morreu no sábado (11).

O vizinho dele, de 37 anos, que também teve o caso confirmado pela secretaria segue internado no Hospital dos Servidores no Rio de Janeiro.
De acordo com o órgão estadual por meio de exames foi possível identificar resultados positivos para o vírus nos dois homens, moradores da área rural do município e que não possuem histórico de viagem para áreas onde há comprovação da circulação da doença.

 

ver mais notícias