Aécio recebe salário de R$ 19 mil após descontos por afastamento do Senado

 

O senador Aécio Neves (PSDB-MG), afastado do cargo em 18 de maio por determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), retomou as atividades da Casa nesta semana.

Em seu retorno ao Senado, Aécio recebeu uma remuneração total líquida de R$ 19,6 mil no mês de junho. A maior parte do montante, R$ 16,8 mil, é correspondente à primeira parcela do 13º salário, que foi paga, de acordo a assessoria do Senado, a todos os servidores da Casa no mês.

Na verdade, o senador deveria ter recebido o valor de R$ 2,7 mil, 10% do seu salário de maio, porém como ele teve direito à primeira parcela do 13º, esse valor subiu para R$ 22,7 mil.

 

O salário bruto de um senador é de R$ 33,7 mil, valor correspondente ao teto salarial do funcionalismo público estabelecido pela Constituição.

No mesmo mês de junho, os demais senadores receberam aproximadamente R$ 39,5 mil, líquido.

ver mais notícias