Assassino do vocalista da 'Junior e Banda' ainda não foi preso

Codajás/AM-As outras três pessoas que também foram atingidas pelos disparos seguem internadas.

A Polícia Civil e Militar continua a procura pelo assassino, conhecido como ‘Mistério’, apontado como o autor dos disparo que matou cantor e compositor Melvino Júnior(42) na noite do sábado (28), em Codajás, na frente de um hotel.

O suspeito do assassinato tem um mandado de prisão em aberto por tráfico de drogas.

As outras três pessoas que também foram atingidas pelos disparos seguem internadas.

A Polícia Civil e Militar continua a procura pelo suspeito

 

ver mais notícias