BC faz leilão de US$ 2 bi e faz dólar subir mais de 1%, a R$ 3,534

SÃO PAULO – A atuação mais intensiva do Banco Central nesta terça-feira faz o dólar comercial operar em alta, após ter fechado abaixo dos R$ 3,50 no último pregão. A moeda americana era negociada, às 10h39, a R$ 3,532 na compra e a R$ 3,534 na venda, uma valorização de 1,11% ante o real. Na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), a alta era de 1,51%, aos 50.925 pontos.

Na segunda-feira, a divisa recuou 2,83%, a R$ 3,495, impulsionada pelo cenário externo e expectativa do impeachment da presidente Dilma Rousseff. Essa foi a menor cotação desde 20 de agosto do ano passado. Para conter essa trajetória e reduzir sua exposição ao dólar, o BC realizou nesta manhã um leilão de 40 mil contratos de swap cambial reverso, que possuem efeito de compra da moeda no mercado futuro. O lote todo foi ofertado, em um total de US$ 2 bilhões. Uma nova operação do mesmo tamanho vai a leilão até o final da manhã.

Na máxima, a divisa já chegou a R$ 3,563.

ver mais notícias