Os votos do candidato eleito Adenilson Reis prefeito de Nova Olinda do Norte foram cancelados pelo TRE.

O juiz Abraham Peixoto, em decisão interlocutória publicada no Mural Eletrônico do TRE-AM, sentenciou que Adenilson concorreu no pleito do dia 2 sabendo que sua candidatura estava indeferida, e negou-lhe embargo à declaração desse resultado.Peixoto cita resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de 2015 que diz é permitido ao candidato com alguma pendência na Justiça Eleitoral concorrer, inclusive realizando todos os atos de campanha, como participar de debates, fazer propaganda, comício, passeata.

e30c5953-971d-4273-b942-5b596b69dc7f
O peemedebista se enquadra no caso recente definido pelo Supremo Tribunal Federal (STF), de que o julgamento de prestação de contas do prefeito é da competência exclusiva dos vereadores da Câmara Municipal.
Prefeito por dois mandatos, de 2005 a 2012, Adenilson teve as contas de pelo menos dois anos desse período reprovadas pela câmara.

ver mais notícias