Rivais na Libertadores, Flamengo reencontra o Atlético-PR na Arena da Baixada

O Flamengo precisa embalar no Campeonato Brasileiro. Depois da queda de rendimento após o título estadual, o time carioca enfrenta o Atlético-PR neste domingo (28), às 16h, na Arena da Baixada, em busca da segunda vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro.

O duelo é um reencontro dos times que integraram o mesmo grupo na Libertadores -na ocasião, houve uma vitória para cada lado.
A situação não é confortável para o Flamengo. Além de ainda estar pressionado pela recente eliminação na Libertadores, a equipe rubro-negra não vem apresentando bom futebol. Foi isso o que aconteceu na última quarta-feira, quando chegou a ser vaiada durante a vitória sobre o Atlético-GO, pela Copa do Brasil.

E para completar o mau momento, o técnico Zé Ricardo tem uma grande lista de problemas para encarar o Atlético-PR. Além do meia Diego, que passou por cirurgia no joelho, ele não contará com os meia-atacantes Gabriel e Éverton.

Dessa forma, é provável que o volante Rômulo e o meia Matheus Sávio ganhem mais uma chance entre os titulares. Éderson também permanece no time.

Pelo Atlético, a novidade é a estreia do técnico Eduardo Baptista. Ele foi contratado para o lugar de Paulo Autuori, que assumiu um cargo de direção no clube.

O ex-comandante do Palmeiras tentará levar os paranaenses à primeira vitória na competição e, acima de tudo, precisa colocar fim à má campanha. Foram duas derrotas em dois jogos, com oito gols sofridos e apenas dois marcados. Na rodada passada, perdeu para o Grêmio em plena Arena da Baixada por 2 a 0.

Para este jogo, Baptista só não sabe se contará com o meia Carlos Alberto, autor do gol que deu a classificação ao Atlético-PR na Libertadores. Se ele não puder atuar, Guilherme, ex-Corinthians, será o principal responsável pela ligação com o ataque.
Com informações da Folhapress.

ver mais notícias